América do Sul

Principais Destinos

[accordion] [acc_item title=”CHILE”]

O Chile é destino para ser apreciado aos poucos e em mais de uma viagem. Sua geografia de extremos, espremida entre o Pacífico e as cordilheiras dos Andes, garante a seus visitantes uma das viagens mais cenográficas de todo o continente. No norte, as terras áridas do Atacama, comparadas ao solo encontrado em Marte, contrastam com o sul gelado, como as belas cidades de colonização alemã da Região dos Lagos. A capital, Santiago, sofre dos mesmos problemas encontrados em outras grandes capitais sul-americanas, mas consegue encantar com um visual único: as Cordilheiras dos Andes, que muitas vezes podem ser vistas logo ali, da janela do hotel. As opções são tão extensas que é preciso viajar até a metade do caminho para a Polinésia Francesa para testemunhar um dos cenários mais impactantes em terras chilenas: a distante e misteriosa Ilha de Páscoa, a 3.526 quilômetros do continente, onde se encontram espalhados mais de 900 exemplares de moais, as famosas estátuas de pedras que, segundo estudos, eram a representação de célebres antepassados de origem rapa nui.

[/acc_item] [acc_item title=”ARGENTINA”]

O que faz da Argentina um destino tão procurado por brasileiros é ser uma espécie de Europa a poucas horas de casa e que cabe nos mais variados bolsos. Buenos Aires e Córdoba, suas maiores cidades, são cosmopolitas e agradáveis, com ótimos restaurantes, parques elegantes e charmosas lojas oferecendo preços justos. Na capital, assistir a uma partida entre River Plate e Boca Juniors explicaria por que o futebol nesse país é tratado como religião (mas por ora infelizmente esse é um espetáculo difícil de acontecer, já que o River caiu para a segunda divisão em 2011). Ainda em Buenos Aires, prove uma das melhores carnes de sua vida, seja na concorrida Puerto Madero ou em algum encantador restaurantezinho de Palermo. Nos contrafortes andinos, a região de Mendoza abarca algumas das melhores produções vinícolas do continente e é a plataforma perfeita para explorar o Cerro Aconcágua, a mais alta montanha do planeta fora da Ásia.

Um pouco mais ao sul, a Patagônia traz a combinação de neve e frio que tanto nos fascina. Em Bariloche e Las Leñas o desafio pode vir das excelentes pistas de esqui, no inverno, ou de cavalgadas e canoagem no verão, enquanto em El Calafate paisagens dramáticas que combinam lagos, geleira e picos de granito fazem a alegria de praticantes de esportes ao ar livre. Isso sem contar a majestosa geleira Perito Moreno e as montanhas ao redor de El Chaltén, listadas como Patrimônio da Humanidade pela Unesco, no Parque Nacional Los Glaciares. Já na meridional Ushuaia, uma rica fauna composta de pinguins, orcas e leões-marinhos ocuparão os fotógrafos, que de lá não saem sem excelentes recordações.

Tango, vinho, futebol e alfajores – a Argentina tem tudo aquilo que cai bem ao nosso gosto.

[/acc_item] [acc_item title=”COLÔMBIA”]

Apague da memória todas as velhas imagens que você tem da Colômbia e permita-se conhecer um destino capaz de surpreender o visitante com atrações que incluem destinos históricos e praias caribenhas. Caso fique confuso e não saiba que destino escolher, opte por Cartagena e tenha os dois. Escondida entre muralhas, Cartagena das Índias reúne em um mesmo lugar o passado colonial da região, o que lhe rendeu o título de Patrimônio Mundial da Humanidade, e um litoral de tons, aromas e sabores que agrada a todos.

Dali, siga para San Andrés, destino isolado a 720 km da costa colombiana. Encontre aqui praias de areias brancas, mar de águas com tons insanos e uma tranquilidade rara em outros destinos litorâneos do país. Para quem vem do Brasil, a capital da Colômbia é parada obrigatória. Não só porque ali encontra-se o principal aeroporto do país, mas porque Bogotá possui atrações que valem a viagem como o centro histórico com ruas de paralelepípedos e casas do período colonial, além de museus imperdíveis como o Museo del Oro e o Museo de Botero.

Das fantasias de Gabriel García Marquez ao café montanhês de Juan Valdez, das praias caribenhas a um cremoso ajiaco, dispa-se de seus preconceitos e visite nosso rico e belo vizinho.

[/acc_item] [acc_item title=”PERU”]

O Peru é um país de arraigada tradição e de passado indígena, mas também fortemente ligado aos costumes impostos pelos conquistadores espanhóis que chegaram à região na primeira metade do século 16. Essa mistura de culturas deixou no vasto território monumentos históricos, igrejas e sítios arqueológicos, sem contar que a natureza aqui também não deixa por menos, com florestas, desertos e cordilheiras nevadas.

Na lista de cidades e atrações imperdíveis está Cusco, Patrimônio Histórico da Humanidade, cujas ruas e becos de pedras parecem respirar os mesmos ares da época dos incas. A capital, Lima, tem encantadora arquitetura colonial. Mas são os misteriosos territórios de Machu Picchu o ponto de atração mais intensa dos turistas que visitam esse país mestiço.

Na costa norte, o eixo entre a colonial Trujillo e a pacata Chiclayo reserva descobertas arqueológicas impressionantes. Ali foram encontrados o Senhor de Sipán, um semideus da cultura moche, anterior aos incas, além da Dama de Cao, múmia preservada depois de 1700 anos que evidencia o relevante papel das mulheres nas sociedades pré-colombianas. Nessa região também estão as ruínas de Chan Chan, a monumental capital de barro chimú, Patrimônio da Humanidade desde 1986.

Quando visitar o altiplano andino, lembre-se de que a altitude pode vir a lhe causar o mal da montanha (soroche), então siga um ritmo lento para adaptação e curta o lugar com calma.

Já ao sul encontram-se as misteriosas linhas de Nazca, fonte das mais amalucadas teorias sobre sua função e construção, indo de alienígenas a uma civilização superior perdida. Seja como for, somente pode-se apreciar sua dimensão de avião, helicóptero ou balão.

Outra faceta peruana que começa a entrar no mapa é sua gastronomia. Imigrantes espanhóis, italianos e japoneses criaram suas próprias versões de receitas de sua pátria e as adaptaram ao que encontravam nos mercados locais. Com sua imensa variedade de batatas, milhos, tomates, pescados e pimentas, pratos cada vez mais elaborados e únicos foram nascendo e deram origem à cozinha local. Agora, o antes simples ceviche, uma marinada de pescados, amplia seus horizontes e ganha versões maravilhosas. Aqui também você encontra o pisco, a bebida nacional, um destilado do mosto da uva, base para elaborados drinques.

Ruínas espetaculares, trekkings fundamentais, uma cultura única e uma rica gastronomia: o Peru está logo aqui ao lado, não deixe de conhecê-lo.

[/acc_item] [acc_item title=”URUGUAI”]

O Uruguai, um país pequeno e acolhedor, é o reduto turístico favorito de muitos argentinos. No entanto, cada vez mais seus atrativos vêm sendo descobertos e desfrutados também pelos brasileiros. Todos são, afinal, bem-vindos a conhecer as singularidades de um território de 176 mil quilômetros quadrados espremido entre Brasil e Argentina e delimitado pelo Rio da Prata, que é chamado pelos nativos de “mar”. Os uruguaios costumam ser receptivos e se mostram sempre dispostos a dispender seu tempo em longas conversações.

A capital, Montevidéu, mantém ares nostálgicos e exala um certo charme europeu em suas ramblas, os calçadões que margeiam o Rio da Prata. Dois dias é tempo suficiente para conhecer seus principais pontos de interesse e se esbaldar com os cortes de carne típicos do país. Nesse sentido, o Mercado del Puerto é uma visita imperdível.

Montevidéu é também a principal porta de entrada, tanto para quem chega proveniente de território brasileiro de avião ou para quem cruza o “mar” vindo de Buenos Aires. Dali, visitantes costumam seguir viagem para ao badalado balneário de Punta del Este ou para as ruas de paralelepípedos de Colonia del Sacramento, um dos mais bem preservados destinos históricos da América do Sul.

Em poucos dias andando pelo “paisito”, como é chamado carinhosamente pelos uruguaios, você vai descobrir o discreto charme de nossos vizinhos meridionais.

[/acc_item] [acc_item title=”BRASIL”]

Um país não se faz só de estereótipos, ou o Brasil seria apenas a terra do samba, da praia, da Amazônia, do Carnaval. Felizmente, somos também a terra do axé, do maracatu, da bossa nova, da mistura. Do cerrado, dos cânions, das serras, do Pantanal. Do Réveillon mais famoso do mundo, sim, mas também das festas de reinado, de São João, do Boi Bumbá. Mas mais do que isso: o Brasil sabe sempre inventar mais um pouquinho. Todo verão surge uma nova praia do ano. Espaço para isso é o que não falta num litoral de mais de nove mil quilômetros de extensão. Trancoso, Praia do Rosa, Pipa, Itacaré, Boipeba, Barra Grande.

De tempos em tempos, brotam belas novidades culturais – para citar as mais recentes, aos já incontornáveis MASP, o Museu de Arte de São Paulo, e o Museu Imperial de Petrópolis, nos últimos anos, ganhamos complexos de nível internacional: o Palacete das Artes Rodin Bahia, dedicado ao mestre escultor francês, em Salvador; o Inhotim, em Brumadinho, Minas Gerais, com mais de 500 obras de 100 artistas contemporâneos de todo o mundo; e a Fundação Iberê Camargo, em Porto Alegre, um premiado projeto do arquiteto português Álvaro Siza Vieira.

Podemos ver onças no Pantanal, botos na Amazônia, golfinhos rotatores em Fernando de Noronha, tartarugas na Praia do Forte e baleias em Santa Catarina e Abrolhos. Nadar em deliciosas cachoeiras nas montanhas de Minas Gerais e nas chapadas. Mergulhar em rios transparentes em Bonito. Comer muito bem não só em São Paulo, mas também no Rio, em Belo Horizonte, em Salvador, em Brasília, em Maceió. Percorrer toda a costa num belo transatlântico. Visitar lindas igrejas nas cidades históricas de Minas, no Pelourinho, em Olinda. Ver o Corcovado e o Pão de Açúcar com a emoção da primeira vez. E voltar pra casa com a certeza de que sempre haverá mais para ver. Do que já está por aí ou do que ainda está por vir. E isso é muito.

[/acc_item] [/accordion]

Fonte: http://ibty.in/ww6Cgs

Fale Conosco

Não estamos online no momento. Mas você pode nos enviar um email que nós retornaremos em breve.

Perguntas, dúvidas ou reclamações? Eu adoraria ajudá-lo!

Clique ENTER para iniciar o chat